chuva de balões

Hoje é o aniversário da minha pequena – ou já seria grandona?  – : 7 anos de muita alegria, muita descoberta, muito amor.

E este aniversário, em especial, foi muito esperado por ela. Lembram-se de quando éramos crianças e ficávamos contando os dias para que o NOSSO dia chegasse? O único e mais importante dia do ano – quiçá do universo. Foi assim com ela, esta sensação gostosa de importância, de potencialidade, de voar e conquistar os céus. E queríamos deixar marcado, com alguma ação importante esta data.

Eu, que pesquiso ideias diferentes e interessantes todos os dias, muitas vezes deixo de implementá-las aqui em casa por falta de tempo – e fico muito triste com isto. Mas ontem, na calada da noite pus em prática uma ação que vi internet afora.

Muitas bexigas, das mais variadas cores, presos à porta do quarto da pequena com uma apara plástica. Assim que a porta se abrisse, uma chuva de balões cairia sobre a aniversariante dando início às celebrações do grande dia.

E assim foi: assim que coloquei a pequena para dormir ontem à noite, enchi de ar cerca de 40 balões tamanho 7 e, com a ajuda do maridex, posicionamos todos bem rentes à porta do quarto da pequena.

chuva de balões

Hoje pela manhã, grande ansiedade. Acordamos até mais cedo, para esperar a reação dela e ficamos de tocaia na porta do quarto. Marido apostava que ela se assustaria e eu queria estar por perto para garantir a surpresa (e não o susto). Até o pequeno, em geral muito ativo e curioso, comportou-se esperando pacientemente a abertura da porta da irmã mais velha.

Assim que ouvimos o barulho da maçaneta girando,  entoamos o parabéns e vimos estampado em seu rosto um sorriso largo e feliz, comprovando que aquele era SIM o seu grande dia.

Ah, minha filha! Que  todos os seus dias sejam mágicos, repletos de realizações e sucessos! Todos os dias são seus, para sempre. Basta apropriar-se deles.

Beijo grande

chuva de balões